terça-feira, setembro 01, 2015

GAZ APRESENTA

0 comentários

BIRUTA APRESENTA

0 comentários







WE BLESS THIS MESS
2 SET* - LISBOA - Music Box : Tradiio Sessions [+info]
4 SET* - PORTO - Hard Club [+info]
12 SET* - ALCOCHETE - Hardcore Pool Party [+info]
20 SET - PORTO - Parque da Cidade : Porto Sunday Sessions [+info]

TIO REX
13 SET* - LISBOA - Popular Alvalade : Infected Sessions #11 [+info]
19 SET - LISBOA - Music Box : A Harmonia de Não Ter Tempo [+info / bilhetes]

CORONA
12 SET - BRAGA - Theatro Circo : White Night Jam Session [+info]

*formato solo

https://www.facebook.com/coronalofi

TRADIIO SESSIONS: We Bless This Mess + Chibazqui 
LISBOA - Music Box
2 Setembro 2015 // 21h30 // 4€ 

22h15 - We Bless This Mess
23h15 - Chibazqui

segunda-feira, agosto 31, 2015

NA CASA INDEPENDENTE

0 comentários













2º MAGA FEST
5 de Setembro - 18h às 02h
[Norberto Lobo & Carlos Bica + Filho da Mãe + Lula Pena + Silence is a Boy + Minta & Brook Trout + Garcia da Selva + Simão + Jibóia]
15€

Depois do sucesso da primeira edição, a Casa Independente recebe o MagaFest, celebração das MagaSessions, sessões musicais que acontecem na casa de Inês Magalhães, no Saldanha. Os concertos vão ocupar o salão e o pátio tendo como protagonistas nove dos mais refrescantes projectos musicais nacionais, no que será uma maratona irresístivel.

A Última Festa Coronado
19 de Setembro - 18h às 02h
[Objects + Cangarra + EGBO & DWARF + Quelle Dead Gazelle + Sequin + Good Music Feeling (DJ Set Chill) + Equations + SAUR + Lydia's Sleep + Ricardo Remédio]
5€

Dentro do mar gigante em que se tornou a música portuguesa, a Coronado ocupava um papel importantíssimo – que era não ocupar, verdadeiramente, papel nenhum. Não eram uma editora, um supergrupo, uma webzine. Eram, apenas e só, um grupo de amigos, e de amigos de amigos. Nada mais do que isso. E agora vai a enterrar.
Mas em grande. Com a festa a começar às 18h e, depois de 10 concertos, terminar às 02h.

Fogo-Fogo
26 de Setembro - 23h
5€

É este o grande regresso dos fantásticos do funaná da Casa Independente aos concertos indoor, não estivesse o Outono já aí.
Francisco Rebelo (baixo), João Gomes (teclas), Márcio Silva (bateria), Danilo Lopes (vozes/guitarra) e David Estevas Pessoa (vozes/guitarra) voltam para mais uma temporada que promete inundar de vigor tropical todos aqueles que quiserem celebrar a joie de vivre que floresce no Intendente.
 

13 FADOS 35/2015 (31AGO)

0 comentários
Três temas novos e alteração na frente  

Sairam:
TAKE A CHANCE - Moullinex
TU E EU - Diogo Piçarra
FUTURO EU - David Fonseca

Aproximam-se
SIX STRING AND THE BOOZE - Tape Junk
SHALLOW END - Ghost Hunt
ASTEROID - Mesa


13 (--) 01 ALICE - Comboio Fantasma     
12 (13) 05 TARRAFAL - Benjamim         
11 (--) 01 DOMINA - Moonspell       
10 (02) 14 NEURA - PZ      
09 (07) 03 DANÇAS - Tó Trips             
08 (11) 04 CASHMERE - Ladybug 
07 (--) 01 CHANGE IT - Isaura    
06 (01) 03 RITZ - Fandango 
05 (05) 05 VOO CIRCULAR - Talbot   
04 (06) 14 MOVIN'UP - X-Wife    
03 (09) 02 CLOCKWORK - The Walks        
02 (04) 13 A INSATISFAÇÃO - Márcia   
01 (03) 14 MIRRORBALL - Best Youth
     
Os Best Youth de regresso à liderança 

Entre todos os votantes temos dois premiados
CATARINA MORAIS
MIGUEL FERREIRA
que serão contactados para o email de onde enviaram as votações

Votem, enviando 5 temas de bandas/artistas diferentes 
para
santosdacasa(a)ruc.pt
e podem ganhar prémios
Nova tabela (36/2015) a 06SET

20 ANOS DOS THE GIFT

0 comentários



















Como se fosse ontem. Como se hoje começasse o primeiro ensaio. Como se hoje fosse.

Há 20 anos atrás, em Alcobaça, não pensámos nos anos que podíamos ter pela frente. Não imaginámos nada mais que o próximo dia. Nada nos fazia mais felizes que subir as escadas para tocar, dia após dia. Hoje é igual. Nada nos faz mais felizes que subir as escadas antes de cada palco... E hoje, 20 anos depois, anunciamos o nosso maior destino, a celebração.

Celebramos 20 anos com sorriso aberto e convidamos todos, que de uma forma ou de outra, nos tiveram nas suas vidas. Em 20 anos muda-se tudo. Em 20 anos muda-se tanto. Mudamos aquilo que nos rodeia e às vezes temos a sorte de entrar na vida das pessoas. Celebrar 20 anos é isso mesmo, ter à nossa volta quem se deixou levar por um espectáculo, um disco, uma canção, um refrão apenas.

Nos dias 12 e 19 de Dezembro, estaremos em Guimarães e em Lisboa, a celebrar, junto de quem mais Desejamos, os nossos 20 anos. Mas, não são apenas os palcos que vão assinalar esta celebração. Teremos um disco com as músicas que mais marcaram a nossa carreira, um livro que conta sem qualquer tipo de censura tudo aquilo que vivemos e sentimos ao longo destas duas décadas. E haverá mais, afinal só se faz 20 anos uma vez na vida.

Os dados estão lançados contamos com quem mais queremos, vocês.

The Gift 20 anos
12 de Dezembro - Sábado – Guimarães – Pavilhão Multiusos
19 de Dezembro - Sábado – Lisboa – Meo Arena

MIGUEL ÂNGELO E MIGUEL GAMEIRO JUNTOS

0 comentários



















Em 2011, pela primeira vez, o espectáculo “Canções ao Desafio” juntava em palco os dois Miguéis, as suas canções clássicas e as histórias de carreira. Em toada informal e com um humor desafiante, Miguel Angelo e Miguel Gameiro esgotavam cinco noites seguidas o auditório do Teatro Gymnasium - mesmo no coração do Chiado - num encontro inicial que daria o mote para algo maior.

Logo se seguiu uma digressão de ar livre que durou até ao final do Verão de 2012, conquistando plateias de milhares de Norte a Sul. Alguém classificou esse espectáculo como uma grande festa de música portuguesa onde o público cantava e acompanhava do princípio ao fim os grandes êxitos dos Delfins e Pólo Norte.

Agora, cinco anos depois, voltam a viajar e a partilhar o palco num novo espectáculo:Miguel Angelo & Miguel Gameiro está de regresso à estrada em versão revista e aumentada pelos recentes êxitos das suas carreiras a solo.

20 anos depois de terem gravado o seu primeiro dueto em “O Grito”, estas duas vozes carismáticas voltam a estar juntas, exclusivamente em 2016, num espectáculo com a energia da juventude de várias gerações.

As primeiras datas serão anunciadas em breve, assim como algumas surpresas especiais.

FITA COLA COM NOVO EP

0 comentários
O EP “Razões” faz parte da colecção de 3 EP’s dos  10 anos de existência da banda. O primeiro “Vontades”, o segundo “Escolhas” e o terceiro “Razões” fazem a colecção "Vontades, Escolhas e Razões”.

A coleção junta um pouco do que têm feito nestes 10 anos. Sendo que o primeiro EP é mais direcionado ao punkrock, o segundo ao rock&roll e o terceiro ao skapunk. Todos estes estilos sempre tiveram o seu lugar durante algumas  das fases da sua vida.
 

DESTAQUES DA SEMANA

0 comentários
SANTO NO ALTAR

SÓ MAIS UMA VEZ - Fitacola
("Razões" - Edição de Autor)

Para ouvir todos os dias desta semana

DISCO RECORDAÇÃO

NO FIO DA NAVALHA -  K3O3
(2009, Infected Records)

Para ouvir um tema diferente todos os dias desta semana

domingo, agosto 30, 2015

ESTA SEMANA NO SANTOS DA CASA

0 comentários













Entrevistas:

15.09.02 19h00 - JOÃO LUM
15.09.03 19h00 - MEGAFEST
15.09.04 19h30 - JOÃO HASSELBERG

Para ouvir nos 107.9fm da Rádio Universidade de Coimbra ou em emissao.ruc.fm

ERRO CRASSO APRESENTA

0 comentários













Setembro 2015  - Aqui Base Tango, Coimbra

Grutera + Branches
sábado dia 12, 17h

Grutera é o alter-ego de Guilherme Éfe, guitarrista nascido na Nazaré. Em 2013 estreou-se nas edições discográficas com "Palavras Gastas" e rapidamente criou burburinho na imprensa nacional devido à sua abordagem à guitarra.

 Um ano depois e após apresentar-se de Norte a Sul do país, está agora de regresso com um novo disco, o segundo na sua curta mas já preenchida carreira
 
O Passado Volta Sempre" foi gravado no Mosteiro de Santa Maria de Cós, em Alcobaça, um edifício datado do séc.XIII, revestido a azulejo e com uma reverberação natural estonteante.
 
Branches é o projecto a solo de Pedro Rios.

 Desde 2006 tem lançado inúmeros discos nos formatos menos usuais (K7s, CD-Rs e mp3), todos gravados em casa, nas quais explora as possibilidades de sintetizadores baratos, guitarras solarengas e o ocasional sentimento mais pop. Este ano, lançou o LP “Para Ver o Sol (Selecções 2006-2014)”, uma edição Wasser Bassin que reúne momentos do percurso de Branches.

"Portugal’s Pedro Rios records dreamy, echo-soaked instrumental pop." - STEREOGUM

"I'm a complete sucker for this sound." - WARREN ELLIS, génio dos "comics"

www.branchesbranches.bandcamp.com

Cave Story + Surma
sábado dia 26, 17h

Os Cave Story são uma banda nascida nas Caldas da Rainha, terra mitológica onde acontece tudo e nada ao mesmo tempo. Formados em 2013, lançaram um conjunto de demos que chamou a atenção de vários promotores e festivais nacionais e internacionais como a FatCat Records e o Reverence Valada.

Em 2014, editaram o single "Richman", um tributo apaixonado a Jonathan Richman e uma versão do tema "Helicopter Spies" dos Swell Maps, que o próprio Jowe Head (Swell Maps, Television Personalities) questionou se não seria um bootleg esquecido no qual ele estaria a tocar.
 
Ainda no final de 2014, colocaram o seu primeiro EP "Spider Tracks" em pré-venda online(...). Nele há vestígios do post punk dos The Fall, The Feelies, Swell Maps, mas também psicadelismo. Não ácido, mas daquele que é sobre repetição. Há jogos de violinos que dificilmente não farão lembrar os Velvet Underground ou as Raincoats e uma ternura sufocante que muito deve aos Pavement em “Fantasy Football”.
 
 
Há quem tenha medo de papões, pessoas e até mesmo animais domésticos, tipo galinhas.

 A Débora Umbelino, ou Surma, tinha medo do contrabaixo, talvez pelo tamanho do bicho. Há uns meses ganhou coragem, comprou bilhete de autocarro para Lisboa e meteu-se no Hot Club, esse mesmo, para aprender a dar corda àquelas notas barbudas.

sábado, agosto 29, 2015

PROGRAMA DE 29/08/15

0 comentários
1 - Amélia Muge - Tenho uma cabra cabrita
2 - Aldina Duarte - Fada do lar
3 - Luísa Sobral - João
4 - Márcia - A insatisfação
5 - Rita Dias e Os Malabaristas - Pontapés na gramática
6 - Fura, Fura! - Entrudo
7 - Clã - Sopro do coração
8 - Comboio Fantasma - Alice

9 - Rita Braga - Erosão
10 - Pakita Pouco - Latir
11 - Quarto C - Um sitio para ficar
12 - Bruno Pato - Abraça-me sempre
13 - Luís  Alberto Bettencourt - Pirata louco
14 - Guitarra e Contrabanda - Deixar para trás (canção da viagem)
15 - Nuno Prata - Agora é que é
16 - Benjamim - Os teus passos

sexta-feira, agosto 28, 2015

FOLK NA BOIÇA

0 comentários










 
Festival de música e cultura tradicionais
Aldeia de Sto. Amaro da Boiça – Figueira da Foz
9 a 11 de Outubro de 2015

Folk na Boiça - Festival de música e cultura tradicionais
O evento tem 3 palcos, Capela, ATL e palco Folk (onde decorrem os concertos maiores).
Capela com capacidade para 150 espectadores

Dia 9 - 21h - "Quase um fado" - projecto da fadista Nadine Brás com disco editado em 2015 na serie "colecção discos do povo"
 
ATL com capacidade para 60 espectadores sentados.

Dia 10 - 21h - "Coro do Carmo de Beja" - Dirigido pelo padre e musicólogo António Cartageno, referencia na recolha de música tradicional de cariz religioso, é um coro misto, que tem na sua base técnica o cante alentejano com repertório tradicional de âmbito religioso.

Neste espaço decorre também a exibição de cinema temático de realizadores portugueses, nomeadamente documental e curtas-metragens.

Palco Folk com capacidade para 400/500 espectadores em pé. Palco principal do Palco Folk com capacidade para 400/500 espectadores em pé. Palco principal do evento.

Dia 9
 
22h - "Fim de Linha" - O arrojado  projecto composto por guitarra eléctrica, bateria e gaita de fole, vem estrear-se ao Folk na Boiça. Uma lufada de ar fresco que mistura a contemporaneidade instrumental da guitarra e bateria com temas da nossa tradição envolvidos pelo característico timbre da gaita  transmontana.
 
23h – “Fura, Fura!” – Música da terra com raiz. Temas do cancioneiro tradicional português e originais escritos a partir de recolhas locais, confluem com uma vareada panóplia de instrumentos, dos mais tradicionais até aos mais contemporâneos, conferindo aos Fura, uma sonoridade caracterizada pela sua dinâmica e novidade. Em
vésperas de começar a gravar o seu primeiro disco, mas já com uma significativa participação em eventos de referência. Fura, Fura! foram convidados para abrir a temporada de 2014 do programa da Antena 1 Viva a Música,
de Armando Carvalheda.
 
24h – “Tanira” - Tanira é uma banda portuguesa de folk, um caldeirão onde se fundem ainda outras
sonoridades como o rock e a música do mundo. Criada em 2008, a actual formação divide-se por instrumentos como violino, flautas, uilliann pipe (gaita irlandesa), bouzouki, guitarra, baixo, percussão e bateria. Ao longo de quatro anos de amadurecimento musical e coesão, forjados na estrada, Tanira teve o privilégio de atuar em palcos marcantes, nacionais e estrangeiros, de onde se destacam os festivais Granitos Folk (Porto), Andanças (S. Pedro do Sul), onde atuaram por três anos consecutivos, Entrudanças (Castro Verde), Arredas Folk (Barcelos), Eco Fest (Odeceixe), Musicbox (Lisboa), Festival Máscara Ibérica (Rossio, Lisboa e Zamora, Espanha) e no festival de música tradicional “Sur La Route des Parquets” (La Rochelle, França). Escolheram o Folk na Boiça para fazer a apresentação do seu segundo trabalho discográfico.

Dia 10
 
22h – “Jam . Pt” - Preocupados com a qualidade do ar nas cidades do Porto e de Lisboa de onde são originários, os JAM. PT procuram nas danças portuguesas e danças de outros países, ares de outras partes e outros tempos. Depois de uma bem orientada oficina de danças durante a tarde, vão ser 2 horas de baile tradicional. Jam.Pt é tudo a bailar.
 
24h – “Pé na Terra” – A banda mais aguardada do Folk na Boiça 2015. Com mais de 150 concertos realizados na Europa, dois trabalhos discográficos – “Pé na Terra” (2008) e “13” (2010 com chancela antena 1) e o prémio EurofolkJ’08 os Pé na Terra vão criando desde 2005 uma sólida carreira nas músicas do mundo. Com as raízes no passado da música tradicional portuguesa, mas com os pés bem assentes na música do presente, a banda portuense constituída por 5 elementos (Gaitas, Percussões Tradicionais, Acordeão, Guitarra, Baixo e Voz) transforma cada concerto numa celebração, cada música num ritual sonoro difícil de igualar.

Domingo dia 11
 
Este dia é um dia aberto onde se pretende que haja o máximo de comunhão entre músicos artesãos e
público, e onde todos são chamados a partilhar . Para os mais audazes, começamos de manhã cedo com um passeio pedestre pelo Baixo Mondego “Folkandar”, e com uma oficina de Yoga ao ar livre. Vem depois o almoço convívio oferta da organização, normalmente uma sardinhada, (vamos ver o que a campanha da sardinha nos reserva para este ano). Depois de almoço recebemos a visita de um grupo etnográfico local, seguido da apresentação das oficinas ministradas, para terminar com um espetáculo do grupo de gaiteiros “Ronca e Rasga” e de toda a família do Folk. O palco é para todos.
 
Oficinas no Folk na Boiça.
 
Oficina de olaria para crianças – pelo ceramista Carlos Moço.
Oficina de Percussão Tradicional – por Tanira ou Tiago Pereira (Roncos do Diabo)
Oficina “A arte cervejeira e o fabrico de cerveja artesanal” – por Essência de Alma
Oficina de danças tradicionais – por Jam.pt
 
Feira de artesanato
 
“Oficina Sons da Música”, de Victor Félix e Mário Estanislau – Cordofones, membranofones e instrumentos de fole tradicionais – Vimeiro, Torres Vedras.
Ricardo Sousa” – Flautas em cana - Porto
“Red Clay” – Instrumentos de percussão em Cerâmica – Lisboa.
“Casa dos Cestos” – Cestaria tradicional em vime – Anadia.
“Casa das Botas” – Calçado e artigos em couro de fabrico manual – Almeirim
“Oficina Tempo dos Sonhos” – Calçado e artigos couro de fabrico manual – Benedita
“Ovelha Mãe” – Fabrico de artigos em pura lã. Fiação e tecelagem – Coimbra.
 
Animação de Rua.
 
Entre os dias 9 e 11 a animação de rua é feita pelos “Fim de Linha”, “Ronca e Rasga” e por um grupo de teatro de rua que ainda não temos confirmado.

PROGRAMA DE 28/08/15

0 comentários
1 - GNR - Morte ao sol (ao vivo 2015)
2 - D'Alva - Lugar estranho
3 - Melo D - Malhão
4 - Tranglomango - Galinha da vizinha
5 - Macadame - S. Macaio
6 - Benjamim - Tarrafal
7 - Virgem Suta - Ela queria
8 - Clã - Amigos de quem
9 - Comboio Fantasma - Alice
10 - Linda Martini - Dez tostões
11 - Melhor Amigo - Fumo
12 - Mesa - Asteroid
13 - Isaura - Change it
14 - Carbon - Going for good (com Emmy Curl)
15 - Toulouse - Battery

AMÁLIA POR JÚLIO RESENDE

0 comentários








CENTRO CULTURAL OLGA CADAVAL - 4 Set – 22h00

Rentrée: Júlio Resende leva o seu Fado inspirado em "Amália" a Sintra.

Antes de seguir viagem para Tóquio, Paris e Díli, o pianista Júlio Resende, que com o disco “Amália por Júlio Resende” obteve 5 estrelas CHOC DISC da revista francesa CLASSICA, que classifica os melhores instrumentistas do mundo, continua a sua digressão nacional e internacional num concerto que está marcado para o dia 4 de Setembro pelas 22h no belíssimo Centro Cultural Olga Cadaval. Depois de ter levado a sua visão tão pessoal de "Amália" um pouco por todo o mundo - Alemanha, França, Croácia, México e Estados Unidos - e de ser o único músico oficialmente autorizado a transportar consigo a voz da Diva para o seu famoso tema "Medo", Resende vai pela primeira vez à magnífica vila portuguesa, património da Humanidade, de românticos palácios e floresta exuberante. Para quem voltou a Lisboa e ainda se quer sentir de férias, porque não fazer um passeio a Sintra que termina em concerto?

quinta-feira, agosto 27, 2015

FANDANGO COM DISCO A ROMPER

0 comentários



















São precisos dois para dançar o Fandango. Gabriel Gomes e Luis Varatojo há muito que cruzam os palcos da música portuguesa, o primeiro com a Sétima Legião e os Madredeus, o segundo com os Peste & Sida e A Naifa. A procura de novos sons e novos caminhos tem marcado o percurso dos dois músicos que, em projectos diferentes, têm perseguido um objectivo comum: criar propostas artísticas a partir de referências da música de raiz portuguesa. Desta vez juntam-se para experimentar as sonoridades do acordeão e da guitarra portuguesa num contexto onde a electrónica comanda a acção e apela à dança.

GABRIEL GOMES
Músico, compositor e arranjador, iniciou a carreira no fim dos anos 80 com a Sétima Legião, grupo com o qual gravou cinco álbuns de originais. Nos anos 90 funda os Madredeus, um dos mais internacionais grupos portugueses, com quem gravou cinco álbuns e realizou centenas de concertos. A partir de 1996, e após a sua saída dos Madredeus, decide dedicar mais tempo a uma área que já o fascinava: as novas linguagens e ferramentas do mundo digital. Editou um disco sob a designação de Projecto Om e outro com o nome de Tjak, onde explora os caminhos da música electrónica. Foi também fundador, juntamente com Rodrigo Leão, do grupo Os Poetas com o qual gravou um álbum.

LUIS VARATOJO
Músico, autor e produtor, iniciou a carreira no fim dos anos 80 com os Peste & Sida, banda da qual foi fundador, e com quem gravou quatro álbuns de originais. Mais tarde, já em meados dos anos 90 grava três álbuns sob a designação Despe e Siga. Com ambas as formações realizou centenas de espectáculos em Portugal. No início de 2000 inicia uma parceria com João Aguardela, com quem criou o projecto Linha da Frente em 2002, e abanda A Naifa em 2004. Com a Linha da Frente deixou o registo de um disco homónimo de originais e vários espectáculos em Portugal e Espanha. Com a Naifa editou cinco álbuns, quatro deles com música original, e fez várias digressões em Portugal e no estrangeiro, com passagem por várias salas e festivais importantes na Europa, Ásia e África.

PROGRAMA DE 27/08/15

0 comentários
1 - Zurich Dada - Mean motion
2 - Diogo Piçarra - Falso espelho (com Real Punch)
3 - Nébula - Dragões e demónios
4 - Mancines - Near me
5 - Primitive Reason - Walk inside
6 - João Hasselberg - Two brothers in a treasure hunt
7 - Inês Salpico - Verdade
8 - Comboio Fantasma - Alice
9 - Clã - Fahrenheit
10 - Tv Rural - Formiga e cigarra
11 - João Lum - Atmosfera
12 - Ermo - Fado teu
13 - Bruma - Farin Taraco
14 - Rita Braga - Erosão
15 - David Fonseca - Futuro eu

CAMANÉ ESGOTA CONCERTOS

0 comentários










A cerca de um mês dos concertos Camané vê já esgotadas as duas datas de apresentação do novo álbum agendadas para 24 e 25 de Setembro na Culturgest.

Estas datas são as primeiras grandes apresentações de “Infinito Presente”, o aclamado novo disco de Camané, editado a 4 de Maio último. Com entrada directa para o 1º lugar do top nacional de vendas, “Infinito Presente” marca o regresso de Camané aos discos após um interregno de cinco anos.

Editado no ano em que se assinalam 20 anos sobre a edição de “Uma Noite de Fados”, “Infinito Presente”, a par de discos anteriores, conta com produção, arranjos e direcção musical de José Mário Branco que co-assina com Manuela de Freitas a supervisão artística. O instrumental ficou a cargo de José Manuel Neto (guitarra portuguesa), Carlos Manuel Proença (viola) e Carlos Bica (contrabaixo).

EM LISBOA

0 comentários

NO THEATRO CIRCO EM BRAGA

0 comentários













LINDA MARTINI
28 DE AGOSTO 2015
22H00, SALA PRINCIPAL
Ciclo "Máquina de Gelados" | "Turbo Lento"

Os Linda Martini nasceram em 2003 e são uma banda de rock. Da sua formação actual fazem parte quatro dos seus cinco membros fundadores - André Henriques, Cláudia Guerreiro, Hélio Morais e Pedro Geraldes.Desde a edição do primeiro EP, em Janeiro de 2006, que a banda tem sido bastante acarinhada, quer pelo público, quer pela imprensa musical e promotores.

quarta-feira, agosto 26, 2015

PROGRAMA DE 26/08/15

0 comentários
1 – Country Playgraund - Grandpa’s grave
2 – Murdering Tripping Blues – Into your eyes
3 – Lone Lisbonaires – Too nervous to play the blues
4 – The Legendary Tigerman - Do come home
5 – Moonshiners – Man on wire
6 – Frankie Chavez – Morning train (c/ Groove Quartet)
7 – Comboio Fantasma – Alice
8 – Clã – Dançar na corda bamba
9 – Jackie D – Rat race
10 – The Jack Shits – Black milk
11 – The Lemon Lovers – The 55
12 -  The Nicotine’s Orchestra – Hospital
13 – The Act-Ups – Friendzone
14 – The Dirty Coal Train – Violet black
15 – The CitiZens - Salvation
16 - Tracy Lee Summer - But i love you now

SECRET LIE AO VIVO

0 comentários













Dia 29 de Agosto - Secret Lie - Festas de Paço de Arcos, 22 horas - Entrada Gratuita


D31 de Agosto - Fado Lelé - Festas de Paço de Arcos, 22 horas - Entrada Gratuita

terça-feira, agosto 25, 2015

PROGRAMA DE 25/08/15

0 comentários
1 – Francisco Sales – Friends
2 – Marco Luz – Dois macacos apaixonados no Haiti
3 – Peixe – Motor
4 – Grutera – Choraste por não sentir
5 – Norberto Lobo – Maryan
5 – Tó Trips – Danças
6 – Clã – H2omem
7 – Comboio Fantasma – Alice

8 – Os Príncipes - Não cai
9 – Cochaise - #Cais
10 – Garbo – Passo a passo
11 – Bichos – 26 de abril
12 – O Martim – Razão da distração
13 – Os Capitães da Areia – Arco das portas do mar
14 – Tochapestana – Pratica a tua fé 

ALL-JICÇ COM NOVO DISCO

0 comentários



















Setembro de 2015 será o mês de lançamento de dois novos discos de Al-jiçç: ‘Estórias de Neve’ e 'Livro de Areia'. No dia 1 de Setembro estarão disponíveis em formato digital em https://al-jicc.bandcamp.com/ e no dia 20 estará disponível uma edição física limitada a 40 exemplares de cada disco.

‘Estórias de Neve’ apresenta um conjunto de oito temas inspirados no romance ‘Neve’ de Orhan Pamuk. Foi gravado em Agosto de 2013, em formato trio acústico e o tema de apresentação ‘Kerim’ pode ser ouvido aqui:www.youtube.com/watch?v=6jfhWhfhrmc

'Livro de Areia' foi gravado em take direto em estúdio numa tarde de Dezembro de 2014 e revela uma faceta mais elétrica do repertorio de Al-jiçç, combinando melodias mediterrânicas com a crueza rock, grooves do Médio Oriente e do Norte de Africa e improvisações modais. Al-jiçç em ‘Livro de Areia’ é liderado por Nuno Damião na guitarra elétrica e composição, com Gonçalo Lopes nos clarinetes sopranos e baixo, Ricardo Freitas no baixo acústico e Jorge Trigo na bateria e percussão. O título do disco é uma referência ao conto de Jorge Luís Borges. O tema ‘Babel II’ pode ser ouvido aqui: https://al-jicc.bandcamp.com/track/babel-ii

No dia 6 de Setembro de 2015 Al-jiçç estará em concerto na Festa do Avante no palco do Café-concerto às 19:30. 


B FACHADA EM PALCO

0 comentários



















Fachada prossegue com três datas escolhidas a dedo: 

MAFALDA ARNAUTH & ATLANTIHDA A 25 DE SETEMBRO

0 comentários










Outras músicas, para além do fado, estiveram sempre presentes na vida e na carreira de Mafalda Arnauth. E o fado, para além de outras músicas, esteve sempre latente na sonoridade dos Atlantihda. Por isso, e se para alguns, pode parecer completamente surpreendente ou inesperado este encontro entre a cantora de Lisboa e o grupo do Porto, basta ouvir o seu álbum de estreia conjunto – singelamente intitulado “Mafalda Arnauth & Atlantihda” – para se perceber que este cruzamento de vontades, de Mafalda e dos músicos dos Atlantihda, é absolutamente orgânico, vivo e apaixonante.

Uma das mais aclamadas fadistas da nova geração – e uma das suas pioneiras -, Mafalda Arnauth, sabia-se, passou os últimos anos a afastar-se gradualmente do fado embora sem nunca o renegar. Os Atlantihda, também se sabia, andavam em busca de uma voz que desse corpo e alma às suas novas canções que convocam o fado, sim, mas também chamam por outras músicas tradicionais portuguesas e de outras partes do mundo, para além da música erudita contemporânea mas acima de tudo uma sonoridade internacional. São canções em que os grandes temas estão sempre presentes – das inevitabilidades do amor à urgência em transmitir mensagens actuais – e que se inscrevem imediatamente na nova música urbana de raiz portuguesa. 

Um encontro mais que perfeito...

segunda-feira, agosto 24, 2015

PROGRAMA DE 24/08/15

0 comentários















1 - João Morais - Sina que rima
entrevista João Morais
2 - João Morais - Uma Leonor (ao vivo no estúdio)
3 - João Morais - Duelo (ao vivo no estúdio)
4 - Comboio Fantasma - Alice
5 - Clã - Curioso clã
6 - Sensible Soccers e Blac Koyote - Em tempos amei Pimpinha
7 - Aquaparque - Espelhado no céu

FESTIVAL RIMAS E BATIDAS

0 comentários










Dias 3, 4 e 5 de Setembro no Cinema São Jorge, em Lisboa.

É já na próxima semana que irá para o ar a primeira edição do Festival Rimas e Batidas no Cinema São Jorge. 

Depois do programa de rádio e da webmagazine, o Rimas e Batidas sobe ao palco neste primeiro Festival que terá lugar nos dias 3, 4 e 5 de Setembro e que conta com um cartaz composto por nomes portugueses do que melhor se faz no hip hop e música eletrónica. 

Haverá ainda uma exposição de Carlos Quitério/Fita Cola e Djs a partir das 6 da tarde no foyer do Cinema.

3 de Setembro

Blink
Caroline Lethô
Fábia Maia

4 de Setembro

Lake Haze
Old Manual
Shcuro
Slug Beetle
Vulto + L-Ali

5 de Setembro

Blasph + Beware Jack
Mike El Nite
Prodígio
ProfJam
Slow

A cantora Sequin é a mais recente adição ao cartaz do festival Rimas e Batidas que decorrerá no Cinema São Jorge nos próximos dias 3, 4 e 5 de Setembro. A adição de Sequin ao alinhamento do Rimas e Batidas surge depois de questões logísticas terem impedido a realização do concerto da dupla A.M.O.R., programada para o dia inaugural do festival, completamente dedicado a talento feminino.

Sequin, alter-ego de Ana Miró, editou o álbum Penelope em 2014 através da etiqueta Lovers & Lollypops. O trabalho aplaudido pela generalidade da crítica conta com produção de Moullinex, homem do leme da Discotexas, e apresenta uma refinada pop de recorte electrónico que encaixa na perfeição no conceito que norteia o festival Rimas e Batidas. Este evento apoiado pela Egeac e pelo Cinema São Jorge surge na sequência do lançamento da revista online Rimas e Batidas (acessível em rimasebatidas.pt) que se declara inteiramente devotada ao hip hop e às músicas electrónicas das mais variadas sensibilidades. O cartaz do primeiro festival Rimas e Batidas reflecte precisamente essa linha editorial: no dia 3 de Setembro, além de Sequin, aprsentam-se ainda a rapper Blink, a produtora de electrónica Caroline Letho e a cantora Fábia Maia que tem causado algum furor nas redes sociais graças aos vídeos em que apresenta interpretações á guitarra de temas de hip hop portugês de rappers como Valete ou Halloween. A 4 de Setembro, a programação do Rimas e Batidas foca-se nos novos caminhos da electrónica com actuações de Lake Haze, Old Manual, Shcuro e Vulto com L-Ali, estes últimos provenientes dos meandros do hip hop mais alternativo. Finalmente, o dia 5 de Setembro será dedicado ao hip hop com actuações de Slow J, ProfJam, Mike El Nite, Blasph com Beware Jack e Prodígio. Os bilhetes custam 10 euros e estão disponíveis na Ticketline e na bilheteira do Cinema São Jorge.

VOLTURE COM NOVO SINGLE

0 comentários










A estreia do novo single dos Vulture, “Give in”, aconteceu no passado dia 20 de julho, e foi assinalado com um novo lyric vídeo. O tema sucede a “Doomed to Fail”, single de apresentação e que dá nome ao EP da banda de Santarém. Com uma capa a fazer lembrar os Red Hot Chili Peppers em "The Abbey Road E.P.", este trabalho foi editado em abril de 2015 pela Music In My Soul, encontrando-se disponível nas principais lojas digitais, bem como nas lojas FNAC e no El Corte Inglés.

Com uma mistura fresca de Grunge, Rock e a sonoridade Doom, os Vulture têm um novo trabalho. Este grupo de Santarém respeita as suas origens e reconhece-as em cada passo, admitindo ter-se deixado influenciar por detalhes geográficos e humanos exclusivos desta região do país.

A banda é composta por Gerald (baixo), Casaca (guitarra), Leo (voz) eDuarte (bateria), músicos que decidiram produzir e gravar tudo no sítio onde estão, não vendo qualquer sentido em ir para estúdios desconhecidos e gravar músicas sobre um mundo diferente. Transportaram o estúdio até ao Ribatejo: procuraram casas antigas e quintas que pudessem utilizar e tentaram trabalhar sempre nesse ambiente único.

Os Vulture, que já existem desde junho de 2007, não pretendem mudar nada a não ser eles próprios. Colocam as ideias em cima da mesa, onde o debate é transparente, e encaram as verdades inconvenientes. Influenciados por grandes nomes como Led Zepplin, Faith No More, Manson, Sepultura e, claro, Moonspell, a banda vive dos ritmos pesados e da tensão melódica com voz crua e dura.


JAZZAFARI APRESENTA DISCO

0 comentários













Jazzafari apresenta neste seu primeiro CD e ao vivo e de forma absolutamente brilhante para um jovem da sua idade, algumas das maiores canções da história do Jazz, assim como um conjunto de originais seus, tudo envolvido num som que balança entre o jazz, o reggae e a soul. Com um potencial incrível e já reconhecido pelo meio como uma grande revelação do Jazz vocal, Jazzafari (João Mendes) é não só um cantor, produtor e compositor de exceção e uma das novas e raras vozes masculinas do atual panorama do jazz nacional, mas acima de tudo um “jazzman” de palco que teve o talento e a persistência para se rodear de alguns dos melhores músicos Portugueses de jazz."

https://www.facebook.com/pages/Jazzafari-Unit/165357040198968?sk=info&tab=page_info - Facebook página oficial

DESTAQUES DA SEMANA

0 comentários
SANTO NO ALTAR

ALICE - Comboio Fantasma
("Comboio Fantasma" - Music In My Soul)

Para ouvir todos os dias desta semana

DISCO RECORDAÇÃO

Lustro - Clã
(2000, EMI)

Para ouvir um tema diferente todos os dias desta semana

domingo, agosto 23, 2015

MIA ROSE - "QUALQUER COISA"

0 comentários

ESTA SEMANA NO SANTOS DA CASA

0 comentários


















Entrevistas:

15.08.24 19h00 - JOÃO MORAIS

Para ouvir nos 107.9fm da Rádio Universidade de Coimbra ou em emissao.ruc.fm

sábado, agosto 22, 2015

PROGRAMA DE 22/08/15

0 comentários
1 - Black Bombaim - Africa II (C/ Rodrigo Amado)
2 - Keep Razors Sharp - By the sea
3 - Savanna - The lab
4 - The Walks - Clockwork
5 - d3ö - Who

6 - Bejamim - Tarrafal
7 - Prana - A valsa do cúpido, esse sacana
8 - Joana Espadinha - Idade do armário
9 - Márcia - A insastifação
10 - Afonso Pais - Lisboa antiga
11 - Ana Cláudia - Riso
12 - Talbot - Voo circular
 
Copyright © Santos da Casa | Radio Universidade de Coimbra | 107.9 FM (Portugal Central) | Emissão Online/Online Broadcast